Reprodução Reprodução

O TCE-MT passou a cobrar explicações de prefeituras, que estão demorando para providenciar aplicação da vacina anti-Covid-19 em seus moradores, mas o cerco deve se fechar mesmo a partir de ações da Polícia Federal.

A PF está recebendo diversas denúncias, quase todas anônimas, acusando gestores municipais de, propositalmente, travar o plano de vacinação para receber mais verbas federais. Para o TCE, prefeitos têm alegado que seguem o cronograma e que não há atraso. E alegam dificuldades para alimentar o sistema sobre número de vacinados.

Mas são tantas denúncias que chegam à PF, que tem atribuição de investigá-las, já que as vacinas foram adquiridas pela União e repassadas a Estados e municípios, que operações podem ser deflagradas nos próximos dias para recolher documentos nestas prefeitura.