Banner Política

Arquivo | Reprodução | GoogleArquivo | Reprodução | Google

Após vir a tona a intenção de três pré-candidatos a prefeito em Água Boa, Dr. Mariano (MDB), Cesinha (PL) e Rejane Garcia (PSDB), outros partidários resolveram tomar atitude e colocar seus nomes também à disposição.

O primeiro deles foi Garcias Abreu (PSC) que já foi presidente da Associação Cristã em Unidade, também é ex-presidente do CDL no município e tem possível apoio da comunidade evangélica da cidade.

Garcias até já mudou suas imagens em suas redes sociais demonstrando que é pra valer a pré-candidatura.

Mais recente foi a manifestação do Consultor Empresarial Carlos Eduardo Trautman (DEM) que afirmou em exclusiva ao site Notícias do Araguaia ter colocado seu nome para a análise do partido.

Trautman observou que pretende seguir a orientação do Democratas, citando nomes que considerou mais evidentes no momento como o do produtor rural, Lírio Maggioni, do Presidente do Sindicato Rural, Tonico de Melo e do próprio presidente do partido, Ari Zandoná, mas reforçou que tem verdadeira intenção de administrar Água Boa e que pretende requerer a oportunidade, senão neste pleito, com certeza no próximo.

Disse ainda que não espera a presença de Maurício Cardoso Tonhá, o ex-prefeito Maurição, na disputa ao executivo municipal em novembro, devido a inércia de manifestações públicas e internas sobre sua participação, até então.

Se todas essas pré-candidaturas se concretizarem, Água Boa poderá ter cinco candidatos a Prefeito nas eleições de 2020. Por outro lado, há boatos de possíveis desistências para articulação de uma, chapa única. Contudo, com tantos nomes predispostos, tal chapa única seria pouco provável.

ATUALIZAÇÃO

Em áudio na manhã de segunda-feira (10.08) o Presidente do DEM, José Ari Zandoná, não confirmou a pré-candidatura do seu filiado, Carlos Eduardo Trautman, afirmando que ainda está cedo para tais declarações e que o partido precisa realizar sua convenção antes de tudo.