ReproduçãoReproduçãoA Polícia Militar efetuava patrulhamento de rotina no Bairro Guarujá,em Água Boa , quando localizou dois homens. Em abordagens, os policiais descobriram que um deles estava com tornozeleira eletrônica desligada.

Ao fazer contato com o Sistema Penitenciário, os policiais foram informados de que o reeducando tem a tornozeleira desligada desde fevereiro. Pelas regras, quem usa tornozeleira também não pode estar nas ruas depois das 20hs, flagrante desrespeito por parte do suspeito.

A Polícia Militar sabe que alguns reeducandos desligam a tornozeleira eletrônica para prosseguirem no mundo do crime. O reeducando foi encaminhado para a Delegacia de Polícia e passará por audiência de custódia perante o juiz da comarca.

O suspeito pode até perder as regalias e retornar à Penitenciária.