Foto: Assessoria CR-13Foto: Assessoria CR-13Nesta quarta-feira 04.07, por volta das 16hs ocorreu um roubo na Agência dos Correios do município de Campinápolis, onde dois suspeitos, ambos de camisa longa e calça jeans, que usavam uma motocicleta de cor vermelha, adentraram na agência e anunciaram o roubo.

Diante das informações, em operação conjunta, Polícia Militar e Polícia Civil, iniciaram buscas para localizar os suspeitos.

Em diligências ininterruptas, por volta das 22hs, a GUFT teve a informação que uma das vítimas teria reconhecido, através de fotografia, o suspeito V. como sendo um dos autores do roubo.

Em rondas, a GUFT avistou o suspeito V. no Hotel Rodoviário adentrando em veículo Gol de cor prata, momento em que foi abordado, tendo sido localizado com o suspeito a quantia de R$ 2.000,00 (dois mil reais), e ao ser questionado acerca do dinheiro e sobre o roubo ocorrido, o suspeito afirmou que praticou o roubo e que o dinheiro era sua parte e juntamente com ele no roubo participou o suspeito L. e D., informando a localização de ambos no bairro Cristalino.

Na sequência, a GUFT diligenciou até o local informado e localizou o suspeito L. e com ele a quantia de R$ 185 (cento e oitenta e cinco reais) e no quintal da residência uma motocicleta CG 125 Fan de cor vermelha sem placa e tendo sido consulta pelo número do chassi constava que era produto de roubo/furto ocorrido na cidade de Mozarlândia-GO. Ao questionar o suspeito L. sobre o dinheiro e a moto afirmou que utilizou a moto no roubo da Agência e inclusive estava empoeirada por ter passado em estrada de terra e o dinheiro era sua parte no roubo.

Em ato contínuo, deslocaram até a residência onde estaria o suspeito D., indicada pelo suspeito V., onde foi localizado e em sua posse estava a quantia de R$ 400 (quatrocentos reais), ao ser questionado sobre o dinheiro, o suspeito Douglas afirmou ter participado do roubo e que aquele dinheiro era sua parte.

Versão dos presos

Aos policiais os suspeitos disseram que deslocaram nos veículos Gol e na motocicleta CG 125 até Campinápolis, realizaram o roubo, sendo que os suspeitos V. e D. entraram na agência enquanto o suspeito L. ficou no apoio. Apos o roubo, os três deslocaram até a cidade de Água Boa por uma estrada de chão.

Quanto às armas utilizadas, o suspeito V. afirmou que as deixou escondidas numa fazenda a 90 km de Água Boa.
 
O B.O. foi confeccionado e os suspeitos, sem lesões corporais, e veículos apreendidos encaminhado para a Polícia Judiciária Civil para as providências  cabíveis .

Profissionais participantes: 1º Ten PM Campos; Sd PM Josielker; Sd PM Victor e Sd PM Emerson.Foto: Assessoria CR-13Foto: Assessoria CR-13Foto: Assessoria CR-13Foto: Assessoria CR-13