1707077A Polícia Judiciária Civil de Campinápolis e a Polícia Civil de Nova Xavantina, prenderam na tarde desta quinta-feira (20/07) um casal suspeito de tirar a vida de um idoso que morava sozinho na Fazenda Esperança 2, na região do Córrego Seco à 25 Km de Campinápolis. O Crime ocorrido no último dia 02/07 chocou a cidade, pois os indivíduos foram extremamente violentos, utilizando de tortura para que a vítima indicasse o local onde teria guardado o dinheiro.

Os suspeitos deixaram a vítima de ponta cabeça suspensa por uma corda, com várias marcas de agressão. A morte ocorreu por traumatismo craniano. A vítima João Bento Evaristo de Arruda, 59 anos, tinha o costume de guardar dinheiro em casa, fato que chamou a atenção dos marginais, que foram até o local à procura do dinheiro, conseguindo roubar da vítima a quantia de aproximadamente R$ 7.000,00.

Após o crime, os investigadores das cidades se empenharam incansavelmente na sua elucidação, logrando êxito em apontar a autoria delitiva, que resultou na prisão dos suspeitos. As investigações apontaram para Denis (34 anos) e Deuzecy (30anos) que teriam alugado uma motocicleta para a concretização da ação criminosa. Eles tiveram a prisão decretada a pedido do delegado Dr. Sidarta Vidigal de Almeida e determinada pelo Juiz Ítalo Osvaldo Alves da Silva.

Vale ressaltar que o casal já tem passagem pela polícia e havia foragido da cidade após o crime. Eles foram localizados na tarde de 5ª feira em Nova Xavantina na saída para o Garimpo. Denis ao perceber a presença da polícia empreendeu fuga pelo matagal, porém foi preso após um cerco policial. Diante das circunstâncias, os suspeitos tiveram sua prisão cumprida e em seguida foram encaminhados ao Sistema Prisional, onde ficarão à disposição da Justiça.