Imagem IlustrativaImagem Ilustrativa

A Polícia Militar atendeu uma ocorrência de lesão corporal em uma briga doméstica por volta das 20h40 de sábado, em uma residência na Av. Araguaia, no centro de Água Boa.

De acordo com relato no Boletim de Ocorrência, o casal, ambos acima de 45 anos, estavam em uma confraternização na casa de amigos, quando a mulher solicitou ao companheiro que fossem para casa, recepcionar uma visita que estava chegando de viagem.

O homem se negou a sair da confraternização e a mulher se retirou do local a pé, andando cerca de 5km e conseguindo uma carona no caminho.

Em casa a mulher estava no banho quando o homem chegou exaltado e a agarrou pelos braços e pelo cabelo e a jogou fortemente várias vezes na cama.

Quando a Polícia chegou ao local encontrou o homem na porta da casa tomando uma cerveja e bastante exaltado, com um inchaço na testa. Ele disse que caiu no quarto após ser empurrado pela esposa.

Questionado pelos policiais sobre a esposa, o homem disse que não sabia do paradeiro dela. Mas ao ouvir a presença dos policiais ela e o filho que é maior de idade, saíram da casa.

Exaltado o homem agarrou a mulher pelo pescoço na frente dos policiais, quando o filho dela entrou em luta corporal para proteger a mãe. Os policiais interviram e o homem ressitiu a prisão, sendo necessário o apoio da Força Tática para imobilizá-lo e algemá-lo.

Os envolvidos foram conduzidos a Políca Judiciária Civil para dar prosseguimento ao processo.