Reprodução Reprodução

A fazendeira Wa Tiba, de 54 anos, reside na Indonésia, na ilha de Muna, e seu corpo foi dado como desaparecido na última sexta-feira (16.04.21), após ser engolido por uma cobra píton.

De acordo com o The Washington Post, a fazendeira foi até a sua plantação de milho na última quinta-feira (15) por que os javalis que estavam entrando na plantação. Como ela não retornou, seus familiares resolveram procurá-la. Eles encontraram apenas um par de chinelos, uma lanterna e um facão.

Cerca de 100 pessoas da aldeia de Persiapan Lawela se dividiram para procurar a fazendeira e no decorrer da busca, encontraram uma cobra píton inchada, parecendo ter consumido algo grande. Animal tinha aproximadamente sete metros de comprimento e apresentava dificuldades para se locomover

Os populares mataram o animal e, ao abrir a carcaça da cobra, encontraram Wa Tiba morta com a mesma roupa do dia anterior.

Tiba foi a segunda vítima encontrada dentro de uma cobra Píton em mais um de um ano.

É valido ressaltar que essa cobra normalmente, prefere se alimentar de mamíferos menores e atacam humanos raramente. Vítima, provavelmente já estava sem vida antes de ser engolida, pois, a Píton imobiliza sua presa com uma mordida e em seguida, percorre seu corpo ao redor da vítima, aperta sua circulação sanguínea até que ela pare e seja impossibilitada de respirar.

A região onde ela vivia é cercada por penhascos e cavernas, locais onde pítons são encontradas com frequência.