Reprodução Reprodução

Pelo menos 20 militares do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso irão compor a equipe de salvamento e resgate que está trabalhando no estado da Bahia, devido aos estragos causados pela chuva dos últimos dias. A informação é da Casa Civil, confirmada pelo comandante geral dos Bombeiros, coronel Alessandro Borges. 

Segundo o oficial, o contato já foi feito com o centro de operações da região e os militares irão atuar da mesma forma que foi feito no desastre de Brumadinho, em Minas Gerais. Alessandro Barbosa também enfatizou que essa ajuda é para não dar nenhum trégua nos trabalhos de salvamento. 

"Nós estamos à disposição. O secretário Mauro Carvalho fez contato e nós estamos prontos. Tem uma cordenação de escolas de bombeiros e nosso encaminhamento é para que não haja recesso. Serão 20 bombeiros, com viaturas e equipamentos de Mato Grosso que vão ajudar", disse o coronel.

A data precisa para ida da primeira turma de Mato Grosso ainda não foi divulgada, mas será a partir de janeiro, conforme disse o coronel. Profissionais de salvamento, mergulho e operações em catástrofes estarão prontos para ajudar na Bahia.

"Estaremos prontos a partir de janeiro. Os primeiros bombeiros serão de cidades vizinhas e por isso vamos a partir de janeiro, porque antes de nossa equipe outras serão empregadas. A demanda é feita pelo centro de operações da região", comentou o coronel. 

CLIQUE AQUI E PARTICIPE DE NOSSOS GRUPOS DE WHATSAPP