Reprodução Reprodução

A Polícia Civil deflagrou uma operação contra crime cibernéticos no município de Sorriso ( a 396 km de Cuiabá), na manhã desta sexta-feira (24).

O intuito é investigar dois perfis em redes sociais que faziam acusações de estupro, abuso sexual e difamação. As páginas são denominadas "Taradas de Sorriso" e "Exposed".

De acordo com a PJC, as pessoas que criaram as duas páginas foram identificadas e foram cumpridas buscas em suas residências. Foram apreendidos celulares e notebooks. 

A operação contou com inteligência e tecnologia para chegar aos autores e criadores das páginas. "Ao todo, são mais de 40 vítimas que tiveram a sua honra maculada, tivemos casos em que famílias se separam por conta das postagens de difamação", diz a PJC.

O material apreendido será analisado e encaminhando a perícia.