Imagem IlustrativaImagem Ilustrativa

Segundo informações do Boletim de Ocorrência da PJC, na terça-feira (5.10) por volta do meio dia, os Policiais Militares de Água Boa lograram êxito em encontrar o suposto veículo envolvido no acidente de ultrapassagem que levou a morte de 2 pessoas na manhã do mesmo dia, na BR-158, em Nova Xavantina.

Os policiais haviam sido informados por uma Policial da PRF de Barra do Garças, via 190, de que uma Fiat Toro Branca teria suposto envolvimento no acidente e que após teria se evadido. Este veículo estaria entrando em Água Boa quando foi localizado.

Segundo relatos em BO anterior, a Pálio Weekend do acidente teria tentado ultrapassar e esta Fiat Toro à frente teria aberto ultrapassagem também, fazendo o Pálio perder o controle e bater em uma árvore.

Veja: Acidente durante ultrapassagem deixa 2 mortos e 3 feridos na BR-158 em Nova Xavantina

No entanto, o motorista e a passageira da Fiat Toro informaram que viram, mas não tiveram participação no acidente. Disseram ainda que pararam para prestar socorro as 3 vítimas que estavam vivas do Palio.

Disseram ainda que tentaram ligar no 191 no local e ao chegarem na zona urbana de Água Boa, mas não tiveram êxito em nenhuma das vezes. Relataram também que pararm no posto fiscal da PRF em Água Boa, mas não localizaram nenhuma autoridade policial. 

Ambos se dispuseram a ir até a Delegacia da PJC para confecção do B.O. e exames de alcoometria. Eles tem endereços em Barra do Garças e Santa Fé de Goiás.

O acidente ocorrido próximo ao rio Areões entre nova Xavantina e Água Boa ceifou a vida do Gerente de Supermercado de Confresa, Edmar Patrício de Freitas, 53 anos, conhecido como Machadinho e de um adolescente de 14 anos que estava no banco do carona. Outras 3 pessoas no banco de trás ficaram gravemente feridas.

Veja: Gerente de supermercado que faleceu em acidente é velado em Barra do Garças