A ex-mulher de um servidor do Indea (Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso) gravou um vídeo em que invade dependências do órgão e se desloca a até a mesa da atual namorada do servidor. Nas imagens, a mulher joga algumas roupas íntimas do ex-marido e literalmente “lava a roupa suja”.

Na gravação, a ex-mulher chega dando bom dia e pergunta se a servidora não sabe que homem tem filhos. “Você sabia que ele é casado? Que ele tem dois filhos um menino de 5 anos e um bebê de 9 meses?”, comenta.

Em seguida, a servidora tenta por panos quente e pede para que elas tenham essa conversa fora do instituto, mas a mulher não aceita. Ela começa a acusar a servidora de ter encontros extraconjugais em horário de expediente.

Irritada, a mulher começa a tirar as cuecas do ex-marido de uma sacola de papel e começa a jogar na mesa da namorada. “Ele está morando na sua casa né? Então aproveita e lava essas roupas sujas dele. Eu não quero mais nada dele lá! Aproveita e costura essa cueca que está bem rasgada”, ironiza.

O servidor do Indea relatou que a mulher não aceita o fim do casamento. “Eu já havia me separado, inclusive saído de casa, quando iniciei o namoro. Ela nunca foi minha amante ou algo parecido. Infelizmente, minha ex não aceita o final da relação, o que acabou por ocorrer essa cena ridícula. O processo de divórcio já foi iniciado. E por se tratar de um assunto particular e de minha vida pessoal, não havia comunicado ninguém da instituição”, relatou. 

A atual namorada, que também trabalha no Indea, conversou sobre o episódio. “O que ocorreu foi o fim de um casamento e o posterior início de um namoro, o qual a ex-mulher não aceita e acarretou na cena lamentável”, comentou.

Imagem IlustrativaImagem Ilustrativa