Pichetti Rui Vilani  Inez Trentin Zandoná  Tarcísio Tonhá  Outros

Foto: Dialum Assessoria

João Nicolau Petroni não era apenas um empreendedor espetacular e visionário, mas, também, um associativista convicto. Por esta razão, fundou, em 29 de agosto de 1985, o Sindicato das Indústrias Sucroalcooleiras do Estado de Mato Grosso – SINDALCOOL/MT para dar apoio institucional a um setor que começava a se instalar e crescer rapidamente em nosso estado.

Assumiu a Presidência e, imediatamente, filiou o SINDALCOOL/MT à Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso – FIEMT por reconhecer que SENAI, SESI e IEL muito poderiam contribuir para o desenvolvimento do setor, notadamente na assistência social, na formação e na qualificação de profissionais para a indústria e formação de lideranças.

Reconhecido por seus dotes de liderança, João Nicolau Petroni logo foi eleito Vice-Presidente da FIEMT e colaborou com sucessivos presidentes da entidade na defesa de importantes pautas da indústria, não só em âmbito estadual, mas também nacional.

Para um setor cuja primeira indústria, a Usinas Barralcool S/A, começou a operar em 1983, em Barra do Bugres, fazia-se necessário lidar com questões ambientais, tributárias, logística e todos aqueles entraves enfrentados por setores que se iniciam na atividade produtiva.

O SINDALCOOL/MT tem se notabilizado, ao longo destes 35 anos de atuação, como um interlocutor confiável, tanto dos poderes públicos quanto dos parceiros com os quais se relaciona por força de seus produtos. Por isso, é sempre chamado ao debate, seja para a discussão de políticas públicas destinadas ao setor sucroalcooleiro, seja nas relações com outras instituições representativas tanto na área laboral quanto patronal.

A liderança e os valores, notadamente os sociais, de João Nicolau Petroni deixaram sua marca indelével no SINDALCOOL/MT e as diretorias que o sucederam mantêm os princípios de sua primeira liderança. 

Mato Grosso é, hoje, um grande produtor de biocombustíveis, razão pela qual novos e cada vez mais complexos desafios vão se apresentando. O SINDALCOOL/MT manterá sua posição inflexível em defesa do setor sucroalcooleiro de nosso estado, buscando, com todos os atores desta incrível cadeia produtiva, cada vez mais soluções para que o Brasil tenha uma matriz energética limpa e renovável, otimizando a qualidade de vida do povo brasileiro.

*Jorge dos Santos é administrador e diretor Executivo do SINDALCOOL/MT