0
0
0
s2smodern

 

Foto: ReproduçãoEstamos nos aproximando das eleições municipais em todo o país e já podemos perceber a movimentação política entre vereadores e prefeitos de todo o Brasil. Em Água Boa não está sendo diferente de outros municípios brasileiros.

A pesquisa eleitoral é um método utilizado, de extrema importância para o desenvolvimento de uma eleição e que possibilita aos candidatos avaliar ou até mesmo definir sua candidatura e se ela está produzindo o efeito desejado.

Quero aqui me reportar sobre como a pesquisa eleitoral é realizada, não só aqui em Água Boa, mas sim em todo o Brasil. Nesta semana fui entrevistada por meio de uma pesquisa realizada via telefone, sobre quais seriam os possíveis candidatos a prefeito de Água Boa-MT. Após responder cuidadosamente a todas as perguntas a mim direcionadas pus-me a pensar: Por que geralmente as pesquisas são direcionadas para determinados candidatos? Por que o povo não tem o direito de se expressar e dizer quais são as lideranças de Água Boa que tem capacidade para serem os futuros gestores e vereadores do município? Na referida entrevista de cunho eleitoral, apenas quatro nomes de pessoas apareciam como possíveis futuros gestores. Meu posicionamento - embora respeitei e respondi as perguntas com educação – é de que uma pesquisa prévia, realizada muito antes das 

eleições deve dar margem para que as pessoas apontem quem em Água Boa terá capacidade de governar com honestidade e com ótica futurista.

Na realidade, a maioria dos cidadãos aguaboenses não tem conhecimento da maior parte dessas pesquisas qualitativas e estratégicas, apenas respondem o que lhes indagam: voto nesse, voto naquele. A pesquisa eleitoral realizada nesta semana apresentando somente quatro cidadãos como possíveis candidatos significa que em nosso município somos carentes de bons nomes com capacidade de gerir o município e além do mais, ela foi direcionada para um candidato A ou B deixando o entrevistado sem opções caso quisesse apontar outro nome que não aparecia na lista verbalizada.

A realização de uma pesquisa eleitoral é algo muito sério. Ela deve ter clareza nas perguntas e muitas vezes a amostragem não representa o universo pesquisado, além do mais o contratante tem interesses políticos fazendo com que a análise final, seja um misto de verdades e inverdades e que não chegam ao conhecimento dos cidadãos. É necessário que se façam pesquisas sérias e não somente como indicadores de tendências.

A participação do povo na escolha dos futuros candidatos é a única saída para que tenhamos um município próspero com bons legisladores e Prefeito. Esperamos que em Água Boa mais nomes surjam no cenário político e que todos tenham comprometimento com o bem estar da sociedade.

Para encerrar, reporto-me a Santo Agostinho (354-430) quando cita que: “A política constitui uma atividade fundamental para que, no seio da sociedade humana, haja o bem e a paz”. Um líder legítimo nascido da vontade da população é aplaudido

antes mesmo de se pronunciar e ao governar, seu fardo será mais leve porque a população o escolheu e está ao seu lado. Penso que o futuro gestor de Água Boa e candidatos a vereadores devem brotar do anseio da sociedade e não por meio de pesquisas direcionadas.